Mundos Virtuais - Second Life

por 1 695 visualizações

São já dezenas de milhões de pessoas que vivem uma vida virtual dentro de mundos virtuais na internet

O que são mundos virtuais?

Várias empresas criaram espaços interactivos na internet com tanto pormenor e realidade cuja diferença entre esse mundo e o nosso é só uma questão de perspectiva. Talvez esteja a exagerar um pouco, ou talvez não! Convido-o desde já a visitar um desses mundos: Second Life.

Second Life permite viver uma segunda vida num mundo virtual em 3D que existe apenas na internet. Podemos conviver com amigos ou desconhecidos à noite nos bares da cidade mais próxima, ou comprar e vender propriedades. Este jogo poderá ser encarado como uma nova forma de interagir com outras pessoas, mas é também uma forma de construir uma nova personalidade, de ser, não o que somos, mas o que sonhamos ser. Podemos desenhar a nossa forma física e agir livre das normas de conduta da nossa sociedade, mas respeitando sempre as normas de conduta desse mundo virtual.

Na Second Life existe uma economia muito semelhante à real e cuja moeda, o Linden Dollar, tem um valor de câmbio em relação ao US Dollar.

A loucura deste mundo virtual já chegou às grandes multinacionais que, sempre atentas às movimentações de massas, não perdem oportunidades para divulgar os seus produtos e serviços. A mais recente foi a VODAFONE que ofereceu aos habitantes da Grid um serviço de SMS (ler artigo da Business Week).

A Coca-Cola tem Outdoors dentro do Second Life pagando aos habitantes virtuais que alugam o espaço dinheiro real.

Existem diversas pessoas que conseguiram o seu emprego real dentro do second life (ler artigo da CNN).

Desde o início da humanidade o homem, para sobreviver, juntou-se em comunidades. Essas comunidades teriam que ser próximas em termos geográficos pois não poderia haver interacção entre os seres humanos se não houvesse proximidade. Com a massificação da internet o problema de proximidade já não existe e as comunidades não têm que ser limitadas geográficamente. Essa é a magia da internet!

Também vai gostar de ler: O que é o Brainstorming?